quinta-feira, 3 de setembro de 2015

Querida Alice...

todos esperavam o dia em que em que chegarias ás nossas vidas. A espera já estava longa e todos os dias esperávamos um sinal, mas a decisão era tua, apenas tua.

Foi então que nos destes sinais, foi então que o pai e a mãe ficaram de tal maneira ansiosos e os medos começaram a subir ás nossas cabeças, mas estávamos com imensa vontade de te ter nos nossos braços. E foi então que escolheste o dia 18 para ser o teu dia. O dia em que a princesa decidiu sorrir ao mundo, foi o dia em que o nosso coração conheceu o quanto amor podemos sentir, o quão pequeno pode ficar quando sentimos medo e quão grande pode ser quando te abraçamos pela primeira vez. Foi então que nos sentimos uma família.

Foi o pai que te vestiu pela primeira vez, foi ele que te mudou a primeira fralda, que te deu o primeiro biberão, foi ele quem te abraçou pela primeira vez, sentiste o amor do teu Rei pela primeira vez e o coração dele sentiu-se pequenino quando te pegou, quando te viu pela primeira vez, quando sentiu o teu cheiro, quando ouviu o teu respirar...

A mãe chegou depois e não havia melhor quadro que te ver ao colo do pai, nada que encha mais o coração que ver um pai cheio de amor e com um olhar de ternura a segurar o mundo nos braços.

Minha princesa temos tanto a aprender, temos tanto para lutar, mas prometemos que independentemente do que acontecer vamos sempre dar o nosso melhor, vamos tentar sempre ser melhor exemplo para ti, vamos estar sempre a teu lado.

Obrigado por nos preencheres o coração com os teus sorrisos *


6 comentários:

Enquanto houverem sonhos haverá esperança ヅ

★ Obrigado por comentares ★